Um perfume de amor

Posted By on jul 18, 2014 | 0 comments


 Um perfume de amor

um perfume de amor família é tudo

 

 

Meu pensamento voa como flecha de fogo para todos os recantos, do planeta para buscar dores, lágrimas e sofrimentos… Não importa se casebres ou palácios, todos ocultam dores e angústias, nenhum coração neste planeta de tristezas, desconhece o peso angustiante da sufocante dor de um sofrimento escondido. Até o espaço distante oprime o morador da Terra! Quando não é a dor da enfermidade é a dor da alma, ou a dor do desengano, ou o sonho que se despedaçou, a melodia que nunca foi terminada, aquele sonho que nunca se realizou!

A caminhada da jornada terrestre é como um vaso de barro que se quebrou e os pedaços não mais podem ser unidos. Passada a fase da mocidade onde tudo é fascinação, tudo é canto de sereia, brilho sem luz, fulgor de pirilampo, que dura apenas um segundo, e depois se apaga como lâmpada que queima, passado esta fase de sonhos sem contorno, a realidade fere como ferrete em brasa e deixa marcas fundas e dolorosas.

A maturidade traz a ênfase da luta renhida para a sobrevivência, a velhice traz saudades de um sonho que nunca se concretizou, um amor inexistente, uma luta sem glória onde nada se conquistou, onde nada se completou. Fica o amor de um perfume de rosa que murchou, um sonho distante que não se atingiu, e nunca se realizou.

A mocidade inflamou o coração de melodias, jardins encantados, castelos de bolhas de sabão que se desfizeram na pequena brisa sonhada, do fulgor do brilho falso, da ilha encantada, um fantasma sem vida fatuidade de ilusão!

A existência é nascida de um sonho e terminada em farrapos de ilusões!

É preciso o vento fresco de aragem sem mofo, sol vivificante, para trazer paz aos corações feridos, novos sonhos para povoar almas desiludidas, um frescor de vida para afastar o calor escaldante de sonhos desfeitos, guias de luz, que rasgam céus como sinalizações de paraísos!

É preciso trazer a lembrança do amor, insuflar almas ressequidas, trazer luz e ternura, inculcar vida em corações desfalecidos, falar de AMOR, como tônico vivificante, elixir de vida, povoador de sonhos novos, flores para embelezar almas.

AMOR, AMOR, é o tesouro desejado, sempre buscado e nunca encontrado porque fugidio, sempre se desfazendo como miragem, uma estrela onde o braço não alcança uma flor distante que quando buscada já esmaeceu, um porto seguro cuja embarcação naufragou pela tempestade e nunca alcançou o porto tão sonhado!

É preciso insuflar amor, é preciso viver o amor, falar sem cessar do amor, para afastar a escuridão das vicissitudes que ronda a alma, como aves negras, de pressagio assustador.

Respirar amor, suar amor, irradiar amor, dar amor, só assim o mundo pode ser iluminado, pelo esplendor do amor!

por Ismael de Almeida
Fonte: Casa de Caridade Esperança e Fé

Comente abaixo

familia é tudo arrow

Gostou desse post ? Temos como compromisso trazer a você entretenimento, segurança,  cultura e conhecimento.

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>